Inscreva-se e receba as atualizações por email

Digite seu email aqui:

Delivered by FeedBurner

domingo, 3 de junho de 2012

Projeto Leitura - Tempo de Ler - E como montar um projeto?

PROJETO LEITURA TEMPO DE LER



O presente projeto foi desenvolvido numa turma de alfabetização, mas pode ser adaptado para qualquer série do ensino Fundamental I.

Minha preocupação estava voltada para a participação familiar, comecei a me questionar o que poderia fazer para que meus pequeninos tivessem contato com a leitura fora da escola. Sei que embora o professor seja um referencial na vida da criança, ele sozinho provavelmente não consegue sustentar o gosto pela leitura, afinal se ele lê, mas em casa não há esta realidade, a leiturapode ser vista como obrigação só da escola, daí elaborei este projeto, propôs a a oficina

de apresentação para os pais levando em consideração a dificuldade que muitos poderiam apresentar (há pais analfabetos), propôs que caso não soubessem ler, poderiam pedir a um filho mais velho, ou a um vizinho, na oficina desenvolvi uma atividade com leitura de imagens e pedir que caso necessário realizassem este tipo de leitura par seus filhos, afinal todos os livros utilizados foram cuidadosamente selecionados prevendo esta dificuldade.

E quando os alunos receberam pela 1ª vez a sacolinha (confeccionei com TNT e decorei com CD velho formando um relógio com uso da cola colorida optei pelo relógio por que o nome do projeto era TEMPO DE LER).

Nossa!, era preciso ver o contentamento dos pequeninos! Houve alunos que no decorrer do projeto queria levar um livro todo dia. Para meu espanto houve até pais que procuraram a escola, queriam estudar para melhor ler para seus filhos.

E lógico que nem tudo são flores, há sempre alguns que não correspondem com nossas expectativas, mas acreditem, valeu! valeu tanto que pretendo dá sequência ao projeto.

Adevanucia (Nucy)



PROJETO DE LEITURA



TEMA: O despertar da paixão por livros: Uma busca pelo letramento.

SUB TEMA É tempo de ler.

Prof. Adevanucia Nere Santos


TEMA

O despertar da paixão por livros: Uma busca pelo letramento.

SUB TEMA É tempo de ler.


PROBLEMÁTICA Para ser alfabetizado hoje, o sujeito precisa ser capaz de atender demandas de leituras e escrita cada vez mais diversificada e sofisticada. Daí, como a escola pode contribuir para o contato e a formação do leitor – letrado? A parceria escola e família podem fazer acontecer o letramento sem perder de vista à formação de leitores apaixonados?


JUSTIFICATIVA A preocupação com o desenvolvimento do conhecimento, justifica-se pela contribuição indispensável que as práticas de leitura assumem desde a infância na formação de leitores. Para Feud Linard “num país castigado pelo analfabetismo, projetos de incentivo a leitura são mais que bem-vindos: são fundamentais”. Diante disso, o desafio é trabalhar com crianças do Ensino Infantil o prazer da leitura ainda na fase de alfabetização. Para tanto, é viável a parceria escola e família que juntas podem acelerar o processo de letramento de nossas crianças e, despertar a paixão por livros. O presente projeto apóia-se na tória de Vygostsky que para ele, além do desenvolvimento real, que encerra as atividades que a criança é capaz de realizar autonomamente, existe o nível de desenvolvimento potencial, no qual se incluem as atividades que ela consegue realizar mediante a colaboração de um adulto ou de pares mais capazes. Entre ambas as zonas, existe uma terceira zona, chamada de desenvolvimento proximal, a qual, ele postula que é nela que o bom ensino deve incidir, desvendando os caminhos por onde o desenvolvimento infantil pode seguir.

OBJETIVO GERAL

•Integrar família e escola no processo de desenvolvimento das habilidades leitoras desertando o gosto, prazer e interesse pela leiturapor meio da realização do Tempo de Ler.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

•Envolver a família nas práticas de leitura;

•Colocar o aluno em contato com variados livros;

•Desenvolver a linguagem verbal do aluno;

•Resgatar a atenção da família para com a criança;

•Motivar o aluno a querer ler;

•Desenvolver a paixão por livros;

•Promover a aproximação aluno, escola e família;

•Atender a demanda atual de formar leitores apaixonados pelo ato de ler;


METODOLOGIA Inicialmente, será feita uma oficina de apresentação para a família, colocando-a em sintonia com a proposta do projeto.

As atividades seguintes serão feitas em sala de aula, a partir da leitura de um tipo de texto a cada semana/ aula e, a partir do qual desembocará todos os trabalhos propostos em sala.

A leitura feita em sala poderá variar entre: Textos Informativos, Bíblicos, poesias, parlendas, piadas, contos, músicas, versos de cordel, histórias infantis, receitas, listagem, rótulos, etc.

Paralelo ao trabalho do professor em sala, às Sexta-feira, cada aluno levará um livro em uma sacola decorada, que deverá ser lido em família e, no retorno à escola, o aluno deverá transmitir aos colegas a experiência do Tempo de Ler recontando a história.

Mensalmente os pais preencherão uma ficha de acompanhamento do projeto.

RECURSOS

Humano

livros

textos diversos

sacola do projeto

músicas

som

TV

papel diversos

CD

DVD

tesoura

tinta

lápis de cor

fantoches

cola

caracterização de personagem

DURAÇÃO 30 de Maio a 14 de Novembro


AVALIAÇÃO Será feita por meio das fichas de acompanhamento mensal que juntamente com a coordenação pedagógica da escola será feita discursões para adequar o projeto às necessidades geradas e, ao termino da duração prevista para a aplicação do projeto, haverá uma avaliação geral com a presença da família


REFERÊNCIAS

NOVA Escola. A revista de quem educa. Edição Especial LEITURA. Nº18. Abril, 2008.

RIBEIRO, Vera Masagão. Ensinar ou Aprender? Emília Ferreiro e a alfabetização. 2. ed. Campinas, SP: Papirus,1999.



ANEXOS - PROJETO DE LEITURA

TEMA O despertar da paixão por livros: Uma busca pelo letramento.

SUB TEMA É tempo de ler.


1. CONTROLE DE ENVIO DE LIVROS

(tabela de três colunas com DATA/ NOME DO LIVRO/ ALUNO


2. FICHA DE ACOMPANHAMENTO DA FAMÍLIA

SUA OPINIÃO É MUITO IMPORTANTE!

QUEIRA POR GENTILEZA LER E ESCOLHER A OPÇÃO QUE RESPONDE A QUESTÃO.

NOME DE SEU FILHO ________________________________________________

Como você considera o ato de ler semanalmente para seu filho?

GRATIFICANTE ( ) CANSATIVO ( ) MARAVILHOSO ( ) MUITO BOM ( ) MUITO TRABALHOSO ( ) OUTROS ( ) o quê? _______________________


Foi difícil fazer a leitura para seu filho?
NÃO ( ) FOI SÓ UM POUCO ( ) FOI MUITO DIFÍCIL ( )

Seu filho quis ouvir as histórias?
UMA SÓ VEZ ( ) MAIS DE UMA VEZ ( )

Você somente leu as histórias?
SIM, SOMENTE LIR ( )

FIZ A LEITURA E TAMBÉM CONVERSEI SOBRE A HISTÓRIA ( )

FIZ A LEITURA E PEDIR QUE ELE RECONTASSE ( )



Seu filho tem pedido que você leia para ele, mesmo quando não vai livro do projeto?
NÃO ( ) SIM ( ) ÀS VEZES ( ) DIARIAMENTE ( )

Como você considera a idéia de enviar um livro para leitura em família?
PERCA DE TEMPO ( ) MOTIVADORA PARA A CRIANÇA ( ) DESGASTANTE PARA OS PAIS QUE TEM QUE LER PARA OS FILHOS ( ) REGULAR POIS NÃO É UMA EXPERIÊNCIA MUITO BOA POIS EXIGE MUITO DOS PAIS ( ) OUTRA OPINIÃO ( ) qual? __________________________________________________________



Deixe aqui registrada a sua opinião, crítica ou sugestão. ____________________________________________________________________




________________________________________

Assinatura do Pai, Mãe ou Responsável.




“Não há limites para o que podemos realizar se para nós não importa o lugar e a hora. Importa apenas quem recebe o mérito“.

Adevanucia Nere


Dicas: como montar um projeto?



Como montar um projeto

Autora do texto: Andreza Melo Menezes
Pedagoga


Todos os dias recebo emails com dúvidas sobre como montar um projeto.

Na verdade existem uma sequencia de procedimentos que não podem faltar, aqui vou tentar explicar com minhas palavras o passo a passo do projeto. Lembrando que casa instituição escolar deve ter um projeto desenvolvido de acordo com as necessidades e contexto educacional e social que os cercam. Um projeto deve ser condizente com a realidade da clientela, e alcançar seus objetivos e propostas pedagógicas.


Mas todo projeto pode dar certo?

Não, nem todo o projeto se desenvolve como queremos, depende muito do todo, um projeto para ter seu resultado positivo requer estudo, pesquisa dedicação de uma equipe, do professor, do orientador, do

coordenador, do diretor, do aluno e também da família. É possível que um projeto seja desenvolvido pela escola e só algumas turmas se destaque nos seus objetivos, isso acontece muitas vezes por falta de apoio, integração e conhecimento da equipe escolar, com o professor e seus alunos.


Podemos realizar um projeto em conjunto com outro?


Sim, claro que podemos. Posso desenvolver em minha escola um projeto de socialização entre escola e família durante o ano letivo e trabalhar outros projetos que contemplem as datas comemorativas, estações do ano, e outros temas que sejam pertinentes ao curriculo escolar.

Um projeto educacional geralmente tem esses requisitos:


1 - Título

2 - Duração do projeto

3 - Justificativa

4 - Objetivos (geral e específicos)

5 - Culminância

6 - Metodologia ou procedimentos metodológicos

7 - Avaliação

8 - Anexos ou atividades a serem desenvolvidas




1 - Título:

O título do projeto é onde colocaremos a nossa ideia, ele pode ser baseado em uma data comemorativa, em um acontecimento, em atitudes ou qualidades. Dependendo do título escolhido podemos ou não despertar de imediato a atenção do que estão em volta.

Exemplo:

Na semana do circo eu posso criar um título simples como:

O Circo ou Conhecendo o mundo mágico do circo.

Os dois temas tratam do mesmo projeto, mas o segundo tema nos dá uma visão geral do como vai ser desenvolvido este projeto.



2 - Duração do projeto:

Quanto tempo vai durar este projeto? A duração do projeto pode ser relativo, pode durar um dia, uma semana, um mês, um bimestre, um trimestre, um semestre ou até mesmo um ano letivo.



3 - Justificativa:

A justifica serve como uma "introdução", nela você vai relatar quais os motivos de estar desenvolvendo este projeto na escola, de onde saiu a ideia, o que fez a escola querer tratar este tema, você pode colocar a parte histórica ou literária (se for conveniente), seus desejos e anseios sobre as perspectivas do projeto. Lembre-se, não precisa escrever uma folha inteira, pois é desnecessário, sugiro de 05 a 10 linhas para a justificativa.



4 - Objetivos geral e específicos:

Alguns projetos tem objetivo geral e específicos ou apenas objetivos específicos.



O Objetivo geral é o foco principal do projeto, ele deve começar com verbo, que tem sua terminação sempre em ar, er ou ir, e deve ter apenas um verbo, evite repetir verbos em diferente terminações.

Exemplo de objetivo geral:

- Conhecer o universo circense.

Veja outro exemplo de objetivo que leva dois verbos:

- Conhecer e compreender o universo circense.

Viram, dois verbos no mesmo objetivo cria uma dualidade sem fundamento, sem necessidade, já que os verbos transmitem a mesma ideia.

Nos objetivos gerais devemos ter muito cuidado ao escolhê-los, não é bom colocar muitos objetos, pois criará muita abrangência de ideias, dependendo da duração do projeto, pode não dar tempo de concluí-lo dentro do prazo, o ideal é que tenha de três até cinco objetivos. Os projetos que elaboro teem geralmente de três a quatro e dificilmente chega a cinco, vejam exemplos de verbos que posso colocar no projeto:

Conhecer, aprender, fazer, compreender, integrar, interagir, socializar...



5 - Culminância:



Veja aqui o significado de culminante:

O mais elevado.

Ponto culminante, diz-se da parte mais elevada de uma coisa: o cume do monte Branco é o ponto culminante dos Alpes.

Fig. O mais alto grau possível: o ponto culminante da glória.

Ponto do céu em que um astro atinge sua maior elevação acima do horizonte.

A culminância de um projeto é justamente isso, é a finalização dele, é o fechamento, o encerramento.

No meu projeto a culminância para o projeto em que dei exemplo pode ser:

Apresentação de um show de mágica e teatro com professores para as crianças ou se for um projeto para dia das mães eu posso fechar com: Um chá para as mães com apresentação das crianças, ou se for um projeto de ciências eu posso escolher: uma feira de ciências com curiosidades e trabalhos realizados pelos alunos.


6 - Metodologia ou procedimentos metodológicos


O que é metodologia?

Parte de uma ciência que estuda os métodos aos quais ela se liga ou de que se utiliza: metodologia linguística.

Nem todos os projetos tem metodologia ou precedimentos metodológicos, pois como as atividades é cada professor que escolhe e desenvolve, dependendo dos procedimentos a serem produzidos no projeto acaba deixando o professor limitado a isso. Mas a metodologia traz a maneira de como o professor poderá introduzir o tema em sala de aula, onde trará detalhes de como o professor estará trabalhando o tema do projeto de aplicando as suas atividades.


7 - Avaliação:

Como vamos avaliar os alunos em sala de aula durante o processo de desenvolvimento de suas atividades?

A avaliação pode ser qualitativa e/ou quantitativa.

A avaliação qualitativa é o grau de aquisições como socialização, interação, participação e conhecimento que o aluno terá com as atividades e com seus colegas durante as atividades.

A avalização quantitativa e geralmente feita por acumulo de notas.

Nos projetos sociais e nos projetos da educação infantil a avaliação é feita na forma qualitativa;

Exemplo:

A avaliação será feita de forma qualitativa, onde o professor poderá estar avaliando os seus alunos de acordo com o seu interesse com a atividades, participação, interação e socialização com os seus colegas e professores.

Se for quantitativa poderá ser escrita assim:

Durante o desenvolvimento do projeto serão feitos trabalhos, apresentações, revisão de cadernos, provas avaliativas. Será feito uma soma dessas atividades e o resultado terá que chegar no máximo a 100 (ou 10, dependendo da região), poderemos acrescentar notas de acordo com o comportamento e participação em sala de aula, isto ficando a critério do professor.

Dependendo do projeto ele poderá ter avaliação qualitativa e quantitativa.


8 - Anexos ou atividades a serem desenvolvidas


Os anexos ou atividades a serem desenvolvidas são sugestões de atividades que os professores poderão aplicar com os seus alunos, lembrando que falamos em sugestões, o professor pode ou não aproveitar as atividades, mas geralmente esses anexos são de grande valia pois como o professor não tem tempo nem ferramentes suficientes para elaborar suas atividades eles aproveitam essas atividades para complementar os objetivos do projeto.

Observação: As atividades tem que ser condizentes com o objetivos do projeto.


Pronto! Espero que aproveitem essas breves explicações sobre como montar um projeto e consigam elaborar o seu.



Um comentário:

  1. As dicas são de suma importância par que esta ingressando neste ramo de estágio supervisionado...Obrigada!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails